Rolandenses no Congresso da UBES

Representantes destacaram importância do ativismo estudantil em certas causas

Publicado: 07/12/17 • 07h58
Atualizado em: 09/12/17 • 21h42

A União Rolandense dos Estudantes Secundaristas (URES) enviou cinco representantes para a 42ª edição do Congresso da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), que foi realizado em Goiânia (GO) do dia 29 até o último (03). Letícia Yuki (presidenta da URES), Bianka Als (diretora da Mulher), Laura Paula Chrisosttimo (diretora de Cultura), Breno Henrique Pereira (diretor de Comunicação) e David Alison da Silva viajaram na quarta (29) para representar a cidade no Congresso.

A presidente Letícia já participou de outros congressos da UBES e destacou o quanto isso é importante para os estudantes, já que são momentos de discussão sobre temas como homofobia, machismo e racismo. Na opinião das jovens, Rolândia ainda é uma cidade pouco engajada nas causas estudantis, já que a URES passou pela última tentativa de reativação nos anos 90. “A gente reativou agora, em agosto, mas na época do regime militar, ela teve um poder muito forte”, explicou Letícia.

As pessoas não têm conhecimento da existência desse grupo, que tem objetivo mobilizar os estudantes na luta contra o preconceito, discriminação, machismo, homofobia, racismo e opressão dentro das escolas. “A gente passa metade da vida dentro da escola, há uma formação de opinião e pessoas e o jovem e adolescente tem que ter voz mesmo e saber o poder dele dentro do grêmio”, acrescentou Bianka. Além dos nomes já mencionados, também integram a URES: diretor de esportes, tesoureiro, secretário, sendo ao todo dez pessoas envolvidas na chapa.

O evento
O congresso da UBES é realizado a cada dois anos e reúne estudantes de todo o Brasil para compartilhar experiências e opiniões sobre o cenário da educação brasileira e mundial, aprovar os rumos da entidade para o próximo período, além de eleger a nova diretoria e presidentes. Ele ainda inclui palestras, debates, shows e atividades culturais. “É o maior fórum de estudantes da América Latina”, destacou a presidente Letícia Yuki. “O Paraná tem bastante força nestes congressos, sempre junto com São Paulo, formam as maiores bancadas”, finalizou a presidente da URES.




Fotos desta matéria

Envie seu comentário:
Comentário mediante a aprovação.