A Boa Nova de Alegria

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Colunas
  6. /
  7. A Boa Nova de...

Por Humberto Xavier Rodrigues

E um anjo do Senhor desceu aonde eles estavam, e a glória do Senhor brilhou ao redor deles; e ficaram tomados de grande temor. O anjo, porém, lhes disse: Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor. Lucas 2:9-11.

Qual é o verdadeiro sentido do natal? O verdadeiro significado ou, sentido do natal, é Cristo vivendo no espirito daquele que pela fé, recebeu a Jesus como seu Senhor e Salvador. Então, comemorar o nascimento de Jesus sem esse entendimento ou, sem essa experiência, a saber: “Cristo em nós” não há nenhum motivo de alegria.

Sabemos pela Palavra de Deus que o homem carrega um vazio em seu interior do tamanho de Jesus. E, não é com bebidas e comidas que se preenche esse vazio espiritual, mas somente Jesus pode preencher. Para tanto, o homem precisa esvaziar-se de si mesmo. O esvaziamento do homem se dá na morte com Cristo.

Portanto, é na morte em Jesus naquela cruz, que o homem encontrará o verdadeiro sentido do natal. Porque, na morte com Cristo, o homem é esvaziado de si mesmo, e, na ressurreição, o vazio dá lugar ao novo ser, isto é: Cristo em nós.

Assim, o verdadeiro significado do natal é o nascimento de Cristo em cada um de nós. O mistério que estivera oculto dos séculos aos quais Deus quis dar a conhecer qual seja a riqueza da glória deste mistério entre os homens, isto é, Cristo em vós, a esperança da glória. Colos. 1:26-27.

Sendo assim, ao confiarmos Naquele que é confiável, podemos experimentar o verdadeiro significado do natal. Podemos não só comer e beber, mas nos alegrar com a presença de Jesus em nosso íntimo. Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria.

Nesta festa que comemoramos o nascimento de Jesus, somos chamados para refletir sobre nossa vida. E, a pergunta é: Cristo vive em mim? Caso contrário, confesse essa verdade da palavra de Deus: Estou crucificado com Cristo; logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim. Gálatas 2:20. Amém!!! Boas Festas!!!

Humberto Xavier Rodrigues é formado em Teologia.

Humberto Xavier

Humberto Xavier

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Religião

Jesus disse ‘sim’

Por Monsenhor José Ágius Nosso catecismo básico diz que Jesus morreu para nos salvar. Difícil é explicar porque ele teve que morrer. Dizer que é