Não olhe para trás

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Colunas
  6. /
  7. Não olhe para trás

Por Humberto Xavier Rodrigues

Irmãos, quanto a mim, não julgo havê-lo alcançado; mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão (Filipenses 3:13). Muitos de nós temos uma forte tendência de ficarmos olhando para passado, olhando para trás, tentando encontrar uma explicação para aquilo que fizemos ou deixamos de fazer. Contudo, e, independentemente do ocorrido, precisamos prosseguir: Mas Jesus lhe replicou: Ninguém que, tendo posto a mão no arado, olha para trás é apto para o reino de Deus (Lucas 9:62).

Esquecer não significa deixar de lembrar, nenhuma pessoa em sua sã consciência pode esquecer o que fez no passado. Até que gostaríamos de poder apagar certas recordações desagradáveis. Mas, podemos confiar e descansar no que Deus disse: Pois, para com as suas iniquidades, usarei de misericórdia e dos seus pecados jamais me lembrarei (Hebreus 8:12). Infelizmente, muitos de nós vivemos atormentados pelo sentimento da culpa, lembrando daquilo que Deus já esqueceu.

Não há com alterar ou modificar o que se passou, mas podemos alterar o seu significado, pois: Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito (Romanos 8:28).Ter conhecimento que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, corresponde dizer que todas as coisas que nos acontecem Deus transforma em um bem elevado, a saber: nos tornar parecidos com o seu Filho.

Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos (Romanos 8:29). E, o princípio que trabalha na vida do salvo para forjar o caráter de Cristo, é a cruz.

O significado de predestinação conforme as Escrituras, não é o que comumente se prega, mas, o verdadeiro significado da predestinação é: Deus salva aquele que crer e como salvo, Deus trabalhará nele para fazê-lo parecido com seu Filho. E, neste processo, a cruz, entrará na vida do salvo como um princípio operante diante das dificuldades. Na medida em que levamos o nosso morrer, isto é, confessando a nossa fraqueza, estamos confiantemente entregando nossas vidas nas mãos de Deus: Levando sempre no corpo o morrer de Jesus, para que também a sua vida se manifeste em nosso corpo (2 Coríntios 4:10).
Amém!!!

Humberto Xavier Rodrigues é formado em Teologia.

Humberto Xavier

Humberto Xavier

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

vagas de emprego

JORNAL DE ROLÂNDIA – VAGAS SINE

CONFIRA AS VAGAS DISPONÍVEIS PARA ESTA SEXTA-FEIRA, 20/05 Assistente Administrativo/ PPCP Assistente Téc. Seg. Trabalho Auxiliar de contabilidade*** Auxiliar de Mecânico Diesel Auxiliar de Produção Auxiliar

Cotidiano

Dias de frio e de calor (humano)

Editorial – Edição: 872 – sexta-feira, 20/05/22 Olá, querido leitor e cara leitora do JR Nesta semana, o inverno chegou em nossa região, apesar de