QUARESMA

Por Monsenhor José Ágius

Na semana passada e, mais exatamente, na quarta-feira de cinzas, iniciou-se a Quaresma, caracterizada como um forte tempo de conversão. A Quaresma é uma grande preparação para a Páscoa, e vale para todos nós como um grande retiro. Como discípulos e discípulas de Jesus, procuramos nos unir ainda mais a ele na escuta da Palavra de Deus, na oração, no jejum e na caridade.


Jesus instruiu os discípulos para que praticassem tudo isso de um modo novo, sem o vício da ostentação e da hipocrisia. A Quaresma é um tempo forte de crescimento espiritual. Devemos nos colocarmos com disposição no caminho de seguimento do Mestre e com Ele trilhar o caminho para o Pai.


Iniciamos também, com o início da Quaresma, a Campanha da Fraternidade, que tem como tema: “Falar com sabedoria, ensinar com amor” (Provérbios 31,26), e como lema: “Educar para a cultura e os bens culturais”. Rezemos para que todos e todas possam ter acesso a uma educação humanizadora, que promova a vida e a dignidade humana.


No Evangelho de Jesus Cristo escrito por Mateus, capítulo 6, versículos 1 a 6, Jesus adverte os discípulos sobre a hipocrisia da prática religiosa daqueles que, como os fariseus, faziam suas orações, davam esmolas e oravam, ostensivamente, para se mostrarem. Pela observância religiosa da Lei, o piedoso judeu buscava afirmar-se como “um justo” diante de Deus. As observâncias tidas com o “obras de piedade”, eram: a esmola, a oração e o jejum. Praticando-as ostensivamente, os líderes religiosos garantiam seu prestígio e seu poder. Foram, assim, qualificados de hipócritas.


A conversão a que somos chamados se dá por uma mudança profunda nos nossos valores, assumidos da sociedade individualista e discriminatória em que vivemos. Supõe novos valores e uma nova prática em vista de promover a vida plena para todos. Pratiquemos a verdadeira piedade, que agrada a Deus, na solidariedade com o próximo, na partilha com os necessitados, em comunhão com Jesus na promoção da vida.
Amém!

Monsenhor José Ágius

Monsenhor José Agius Monsenhor

Monsenhor José Agius Monsenhor

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM: