Tem trincheira, mas trânsito continua pesado na Vila

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Cotidiano
  6. /
  7. Tem trincheira, mas trânsito...

Placa inútil não inibe carretas de passarem pelas ruas da Vila Oliveira em vez de ‘enfrentarem’ o desafio da trincheira de Rolândia

O trânsito pesado dimuniu, mas não acabou nas ruas Reinaldo Massi e Esmeralda, na Vila Oliveira, em Rolândia. Apesar de a trincheira estar pronta e sendo usada desde março de 2021, muitos caminhões grandes e carretas optam em passar pela Vila, principalmente que está no sentido Porecatu-Arapongas e vice-versa.

Placa inútil
Na rua Ailton Rodrigues Alves, por onde os caminhões e carretas vêm quando vão atravessar a Vila Oliveira, há uma placa que proíbe caminhões de virarem na rua Reinaldo Massi. Parece que todos sabem que essa placa está ali ‘para inglês ver’, pois não há lei para punir os motoristas de grandes veículos que vão por ali.

Projeto reprovado
Em maio do ano passado, o Executivo Municipal enviou um projeto de lei para a Câmara Legislativa em que proibia o tráfego na avenida Ailton Rodrigues Alves de todos os tipos de caminhões, com ou sem carretas, bitrens, tritres, rodotrens, treminhão, enfim, de veículos com peso bruto total (PBT) superior a 23 toneladas.


Nesse caso, a trincheira seria usada apenas por caminhões com PBT menor de 23 toneladas. Isso certamente terminaria com o tráfego pesado na Vila. Se aprovada a lei, a fiscalização ficaria a cargo da Policia Militar e de uma (futura) Guarda Municipal.


O projeto foi reprovado por 8 votos a 1. No parecer do Legislativo, a conclusão foi de que o Poder Executivo seria competente para editar normas que proibisse a circulação de veículos pesados em via municipal em determinados horários. Ainda segundo o parecer, a edição de uma lei seria desnecessária.
Essas normas seriam através de órgãos e entidades do trânsito. Até o momento, nenhuma norma foi editada com relação à restrição de veículos pesados e o asfalto das ruas municipais continua sendo deteriorado por carretas ‘estaduais e federais’.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Cotidiano

Sobre ótimas ideias

Editorial – edição: 878 – sexta-feira, 01/07/22 Olá, querido leitor e cara leitora do JR Nesta semana, além da matéria da entrega e liberação da