Cambé: prefeitura lança novo ‘Edital de Premiação’

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Cultura
  6. /
  7. Cambé: prefeitura lança novo...

Edital visa premiar 80 artistas e técnicos da cidade com R$ 2.950; inscrições do Edital “Fazendo Arte” são prorrogadas até o dia 18

A Prefeitura de Cambé, por meio da Secretaria de Cultura, abriu um novo edital de premiação com recursos da Lei Aldir Blanc (14.017/2020) para auxiliar fazedores de cultura individuais que foram afetados pela pandemia da Covid-19. O edital faz parte do Projeto ‘Cambé: a cultura acontece aqui’ e visa premiar 80 artistas e técnicos da cidade com R$2.950: podem pleitear o recurso cantores, dançarinos, técnicos de som, maquiadores, dentre outros profissionais.

A intenção do projeto é criar um acervo online público com depoimentos autobiográficos dos fazedores de cultura participantes do projeto. As inscrições vão até na próxima quarta-feira, dia 17 de novembro e devem ser feitas de forma online no site da prefeitura (www.cambe.pr.gov.br). De acordo com a assessoria da prefeitura de Cambé, o valor destinado para esse edital é de mais de R$236 mil.

Quem pode se cadastrar
Para esse novo edital, podem se cadastrar pessoas físicas com mais de 18 anos que realizem atividades artísticas e culturais, que residam na cidade e que tenham atuação na área há, no mínimo, dois anos. Durante a inscrição, os candidatos devem gravar um depoimento autobiográfico respondendo uma série de perguntas sobre a sua atuação na área artística, com relatos de origem, experiências e produções culturais. O edital completo pode ser consultado na edição 997 do Jornal Oficial, disponível em: www.cambe.pr.gov.br/site/index.php/jornal-oficial/.

Cronograma
As pessoas interessadas em participar da premiação têm até o dia 17 de novembro para fazer a inscrição. A publicação das premiações deferidas e indeferidas será no dia 22 de novembro e o prazo para recurso vai até dia 26 de novembro. No dia 03 de dezembro será publicado o resultado final do edital.

Os documentos necessários para a inscrição na premiação são: formulário preenchido na plataforma Sisprofice (disponível em www.sic.cultura.pr.gov.br); RG e CPF; comprovante de residência atualizado; autodeclaração; currículo; portfólio que comprove as atividades; declaração de ausência de parentesco com servidores públicos; link do vídeo do depoimento autobiográfico (na plataforma Youtube, Google Drive ou One Drive); e dados de conta bancária.

A cidade conta com mais de R$236 mil para premiar os fazedores de cultura de Cambé.

Inscrições do ‘Fazendo Arte’ são prorrogadas
As inscrições do edital de premiação com recursos da Lei Aldir Blanc (14.017/2020) foram prorrogadas até o dia 18 de novembro. A intenção é auxiliar os fazedores de cultura individuais e grupos/coletivos artísticos do município que foram afetados pela pandemia. O edital faz parte do Programa “Fazendo Arte em Cambé” e visa fazer um repasse financeiro – em forma de prêmio – para 20 grupos ou coletivos da cidade. Os premiados poderão ser contratados para apresentações ou eventos artísticos e culturais que vão compor o projeto. As inscrições devem ser feitas de forma online no site http://www.cambe.pr.gov.br/site/index.php/secretarias/culturais/lei-aldir-blanc/. O valor destinado para esse edital é de R$222 mil e o prêmio vai ser de mais de R$ 11 mil para cada grupo ou coletivo.

O cronograma para a inscrição e participação na premiação será da seguinte forma: até 18 de novembro para fazer a inscrição; análise da documentação entre os dias 19 e 23 de novembro; publicação das premiações deferidas e indeferidas no dia 24 de novembro; prazo para recurso até dia 30 de novembro; e no dia 07 de dezembro acontece a liberação do resultado final do edital.

Todas as publicações oficiais serão realizadas no site http://www.cambe.pr.gov.br/site/index.php/secretarias/secretarias/cultura/ e quaisquer outras informações podem ser consultadas pelo telefone 3174-0288 ou 3174-0290. A Secretaria Municipal de Cultura fica na Rua Pará, 161, e funciona das 9h às 11h e das 13h30 às 16h30.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Religião

Jesus disse ‘sim’

Por Monsenhor José Ágius Nosso catecismo básico diz que Jesus morreu para nos salvar. Difícil é explicar porque ele teve que morrer. Dizer que é