Cambeense Rodolfo é o técnico da Seleção sub-16 do PR

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Esporte
  6. /
  7. Cambeense Rodolfo é o...

O técnico de handebol, Rodolfo Cyborg, comanda a comissão técnica da Seleção Paranaense masculina que vai disputar a fase regional do Brasileiro em junho; cambeense faz primeira seletiva em Ribeirão do Pinhal para montar a equipe

Rodolfo Cyborg (nº 17) é professor de Educação Física na Secretaria Municipal de Esportes de Cambé

O técnico cambeense de handebol, Rodolfo Cyborg, foi chamado para liderar a comissão técnica da seleção paranaense de handebol masculino Sub-16. Cyborg preparou duas seletivas para já começar a montar seu time que disputará a fase regional do Campeonato Brasileiro de Seleções em junho. “A fase final será no Rio de Janeiro, em agosto”, ressaltou o técnico.


“A primeira seletiva vai ser neste final de semana em Ribeirão do Pinhal e a segunda será em Alto Paraná. Com isso, o estado foi dividido em dois e teremos 42 atletas, 21 em cada seletiva, buscando um lugar entre os 16 da seleção que vão ao Brasileiro”, informa Cyborg.


O cambeense explica que a nova Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) retoma o Campeonato Brasileiro de Seleções neste ano, torneio que foi a porta de entrada ao handebol nacional para ele, já que atuou como jogador pela seleção paranaense Sub-16. Os campeonatos brasileiros de seleções deixaram de ser realizados e deu lugar aos campeonatos brasileiros de clubes. “A desvantagem do brasileiro de clube é que só equipes com grande estrutura conseguem participar”, pontua Cyborg.


Segundo o técnico, a retomada dos Campeonatos Brasileiros de Seleções é importante, pois quando o atleta participa do paranaense pode se destacar e ser convocado para participar de um brasileiro pela seleção paranaense. “O brasileiro de clubes não consegue abranger todos os atletas, então muitos deixam de ser vistos no cenário nacional”, ressalta o técnico Rodolfo Cyborg.


De acordo com Cyborg, a Confederação Brasileira de Handebol vai custear a hospedagem das equipes, mas o deslocamento das seleções é por conta das federações. “Não estava no orçamento das federações participar dessa etapa, mas vamos como um modo de voluntariado. Ribeirão do Pinhal e Alto do Paraná foram duas cidades que se ofereceram para sediar o evento e oferecer quadra, alimentação e alojamento para os atletas”, conta.


O técnico também citou que conseguiu com a Prefeitura de Cambé um carro para levar quatro atletas até a seletiva de Pinhal. A seletiva de Ribeirão do Pinhal ocorre no sábado, com dois treinos, e no domingo, com um treino pela manhã. “Com isso dispensamos os atletas para que eles possam chegar a tempo em suas casas e cidades”, afirmou Cyborg.


O técnico conta que liderar a comissão é uma grande responsabilidade. “O Paraná sempre vai bem nos brasileiros de seleções”. Cyborg reforça que foi convidado principalmente pela sua experiência como treinador e atleta em competições de nível nacional e internacional. Desde 2014 ele é treinador das equipes de handebol de Cambé, além de ser professor de Educação Física na Secretaria Municipal de Esportes do município.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Colunas

Aluna Kumon passa em vestibular da UEL

Por Kumon Unidade Rolândia O Kumon é uma metodologia que visa incentivar na criança a autonomia nos estudos, buscando fortalecer o potencial de aprendizado de

vagas de emprego

JORNAL DE ROLÂNDIA – VAGAS SINE

CONFIRA AS VAGAS DISPONÍVEIS PARA ESTA QUARTA-FEIRA, 18/05 Assistente Técnico em segurança do trabalho Auxiliar de mecânico diesel Auxiliar de produção (exclusiva PCD) Auxiliar de produção

Esporte

Rolandenses no Brasileiro de Ciclismo do Rio

Competição reúne os melhores ciclistas do Brasil nas categorias Elite, Sub23 e no Paraciclismo A equipe de Ciclismo de Rolândia participa, a partir desta quinta-feira