Comtur fará Caminhada Ecológica da Integração

  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Comtur fará Caminhada Ecológica...
O Conselho Municipal de Turismo (Comtur) de Rolândia está organizando a 1ª Caminhada Ecológica da Integração pela Trilha da Saracura, que será realizada no dia 28 de agosto. A Trilha da Saracura fica em uma APP (Área de Proteção Ambiental) no Km 10, na PR-170 (estrada entre Rolândia e o distrito de São Martinho). O evento terá a participação do Grupo de Escoteiros Guarani, Grupo dos Desbravadores, de ciclistas, do grupo Londrina a pé e uma consultoria especial de Ivar Benazi, o Tucano.

O início da Caminhada será com um café da manhã, às 8h, no Salão Comunitário do Km 10 – junto à Igreja, ao lado do restaurante. Haverá hasteamento de bandeiras pelos grupos participantes, com direito a fanfarra. Em seguida, começa a caminhada pela Trilha da Saracura, com diversos trechos e que podem chegar a até 5 km dentro da mata. 

Alguns trechos serão mais curtos e adaptados à limitação das pessoas (pessoas com necessidades especiais, pessoas com dificuldade de locomoção, com deficiência visual, crianças e idosos). “A palavra de ordem será integração”, explica Daniel Steidle, presidente do Comtur. O convite foi estendido aos alunos e pais da APAE e da Escola Municipal Vitório Franklin. Idosos, inclusive do CCI, também estão convidados. 

A idéia é que haja integração entre as pessoas e o ambiente natural da mata, que foi instalada em 2004, em parceria com o LABRE-UEL – são 86 espécies de plantas e mais de 14 mil mudas. “Um turismo simples que irá se somar com o Km 10 e região – há proximidade com dois restaurantes com porco no tacho e com São Martinho, capital paranaense dos Embutidos. Podemos  consolidar um exemplo de turismo do interior que poderá se estender a outras localidades do município de Rolândia”, ressalta Steidle.

“Os valores rurais estão em moda, além da necessidade de caminhadas e pedaladas. Rolândia é privilegiada pela sua topografia e malha de caminhos rurais. Falta termos um mapa turístico atual e uma identidade que não ressalte apenas a uma ou outra etnia… Somos uma rica colcha de retalhos”, finaliza Daniel Steidle.
idagencia

idagencia

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM: