Mais de 2 anos de espera pelo Estado: colégio quer instalar condicionadores

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Mais de 2 anos...

Os Colégios Estaduais Souza Naves e Presidente Kennedy, de Rolândia, possuem aparelhos de ar-condicionado – doados pelos Governo do Paraná – não instalados. No total, são 37 aparelhos: 20 no Souza Naves e 17 no Kennedy. Segundo o diretor do Souza Naves, José Ricardo Morais, os condicionadores de ar foram enviados pelo governo Beto Richa ao colégio há mais de dois anos e permanecem guardados.

Morais explica que a instalação depende de recurso do governo estadual para contratação, por meio de licitação, de uma empresa que efetue o serviço. Ele relata que, antes, precisa ser feita uma mudança na rede de energia dentro da escola, cuja capacidade é inferior a exigida pelos aparelhos.

“Fizemos uma reunião com a APMF (Associação de Pais, Mestres e Funcionários) para ver se conseguimos instalar pelo menos oito em algumas salas, por causa do calor”, conta o diretor.

Essa foi a solução encontrada, já que o governo não libera o recurso. Morais esclarece que a mudança na rede de energia e instalação dos ares-condicionados serão feitas com recursos próprios da APMF e parte das verbas para manutenção e preservação do prédio da escola, que teriam outro destino.

No Colégio Kennedy, os aparelhos continuam guardados, segundo a diretora, Maria Goreti de Freitas Gomes. Ela conta que os ares-condicionados foram recebidos há quase três anos – e não estão instalados. Para a instalação é necessário, assim como no Souza Naves, mexer na rede elétrica da escola, para comportar os aparelhos.

Até agora o governo não se manifestou, apesar das cobranças de verba feitas pelo colégio. “Os alunos estão passando calor agora. Os ventiladores que temos não dão conta”, lamenta a diretora.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: