Uma revolução na Saúde de Rolândia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Uma revolução na Saúde...
Quando assumimos, a saúde de Rolândia estava numa situação muito precária. Todos os prédios precisavam de reparos.Faltavam médicos e outros profissionais, além de medicamentos e equipamentos básicos. Mesmo enfrentando a falta de recursos, executamos um plano emergencial para melhorar as condições de atendimento em todas as Unidades de Saúde. 

Mais profissionais
De imediato, contratamos 104 profissionais. Isso solucionou a falta de médico e de outros profissionais. Todas as unidades passaram por reformas e melhorias.  Também garantimos todos os equipamentos básicos para que os profissionais pudessem prestar um bom atendimento.  A Saúde ainda não está no padrão ideal, mas fizemos tudo o que foi possível nesses oito meses. 

Novas Unidades de Saúde
O nosso planejamento para os próximos quatro anos é bastante ambicioso.  Vamos construir três novas Unidades de Saúde para ampliar o atendimento e os programas de prevenção.  Uma Unidade será instalada no Jardim Planalto, ao do Centro Comunitário; um novo Posto de Saúde Central, na região dos jardins Asteca e Vale Verde; e ainda um novo Centro de Especialidades, ao lado da Clínica do Rim.

Prontuário Eletrônico
Uma outra novidade importante será a implantação de forma pioneira, na Unidade Básica de Saúde do Jardim Santiago, do Prontuário Eletrônico.  Posteriormente esse serviço será levado para os demais Postos de Saúde.  

Cartão Cidadão
Outro avanço importante será a implantação do Cartão Cidadão que irá armazenar todas as informações do usuário. Facilitará muito porque o profissional de saúde terá todos os dados à sua disposição.

São Rafael aberto
Nos últimos anos, o atendimento hospitalar sempre foi bastante crítico em Rolândia.  O único hospital da cidade, o São Rafael, só não foi fechado porque, assim que fui eleito, o Conselho Regional de Medicina nos deu um voto de confiança, considerando a eleição de um médico-prefeito. A partir daí começou um processo de reestruturação e o São Rafael tem procurado atender as exigências do Conselho de Medicina.

Novos hospitais
Felizmente a nossa eleição devolveu credibilidade e segurança jurídica aos investidores.  Tanto é verdade que dois tradicionais grandes grupos de saúde da região confirmaram que vão investir em Rolândia. Um dos hospitais fornecerá atendimento geral, de alta complexidade (consultas, cirurgias e exames), leitos de UTI e estrutura para receber pacientes transportados de helicóptero, além de oferta de programa de residência médica e atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A previsão é de que sejam investidos R$ 20 milhões na primeira fase. 

O segundo hospital também contará com um centro de pesquisas, atendimento pelo SUS e programa de residência médica. O investimento inicial deve ultrapassar R$ 10 milhões.  A previsão dos projetos é de atender mais de cinco mil pacientes diariamente. O início das obras está previsto para o fim do ano.  Ambos investimentos desses grupos serão de recursos particulares, cabendo ao município apenas a doação dos terrenos. 

A partir da inauguração desses dois hospitais Rolândia se tornará referência regional em assistência médico- hospitalar.  Novos investimentos virão para nossa cidade, incluindo laboratórios e outros serviços do setor de saúde.  Muitos perguntam o que será feito do Hospital São Rafael. Uma das possibilidades será torná-lo um centro especializado de atendimento materno-infantil.  Tenham certeza de que temos um programa concreto que irá revolucionar a Saúde de Rolândia.  Por isso, pedimos o apoio de todos para que possamos continuar trabalhando por Rolândia. 
idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: