Municipalização do Trânsito, mais mobilidade e qualidade de vida para o município

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Municipalização do Trânsito, mais...
O trânsito é o resultado da distribuição dos diversos tipos de uso do solo das cidades e dos deslocamentos diários das pessoas para trabalhar, se educar, se divertir, cuidar da sua saúde, retornar à residência etc. Todos nós fazemos o trânsito e contribuímos para que ele seja pior ou melhor. Aqueles que trabalham em suas casas colaboram para reduzir o número de veículos nas vias. O contínuo aperfeiçoamento do trânsito, obriga a criar um processo permanente de monitoramento do atendimento às expectativas dos munícipes, visando melhorias com relação ao trânsito como um todo e, em especial, na redução do número de acidentes, de mortes e de perdas sociais e econômicas, que é o principal objetivo de tudo.

O objetivo da municipalização do trânsito é gerenciar o tráfego, além de determinar melhores condições para quem convive na cidade. Vamos aprimorar serviços de engenharia, fiscalização, educação, levantamento, análise e controle de dados estatísticos do trânsito. Para isso, vamos elaborar estudos a fim de demonstrar quais são as áreas que mais necessitam de melhorias no trânsito, além de direcionar a forma de ação para cada região. Também despertar o papel de cada um na preservação de vidas no trânsito, promover essa consciência e mobilização.

Entre as melhorias no transito de nossa cidade, destacamos a engenharia de transito, responsável pelo aprimoramento e gerenciamento de nossas vias. Vamos ampliar e modernizar os serviços de manutenção e implantação viária horizontal, vertical e semafórica. Destacamos também a recuperação e manutenção da malha asfáltica. Em várias regiões notamos a falta de manutenção, o que tem dificultado o fluxo de nosso trânsito. Já na área de infraestrutura, vamos incluir Rolândia no Consórcio Intermunicipal e Desenvolvimento Urbano (Cindast), isso irá contribuir para recuperação e manutenção de vias, não só urbana, como também rural. Facilitando a mobilidade de nossos munícipes. 
Rolândia é uma cidade com um grande fluxo de bicicletas, a maioria da nossa população prefere esse meio de transporte. Diante disso vamos ampliar e aprimorar a manutenção das ciclovias, melhorando a malha viária, a sinalização, a iluminação. Assim nossos ciclistas poderão usar essas vias de maneira segura e tranquila. Vamos também aprimorar projetos de educação para o transito, voltado para crianças em idade escolar. Quanto antes esses assuntos forem abordados, maior será a conscientização na fase adulta. Também implantar projetos para pedestres, ciclistas, condutores e passageiros. As ações no trânsito podem ser traduzidas em melhorias para a qualidade de vida da população, controlando ou incentivando o desenvolvimento urbano das cidades através de, por exemplo, políticas de estacionamento, programas de sinalização de orientação do trânsito, políticas de operação de carga e descarga de mercadorias, entre outros. Portanto, municipalizar o trânsito deve ser um objetivo a ser seguido com a consciência de sua importância e dos benefícios que poderão ser obtidos. A educação e a conscientização no transito, são ferramentas fundamentais para uma mudança de comportamento, também contribui para ações de segurança. Só uma nova política de trânsito é capaz de atender as demandas de segurança e fluidez e mais facilidade para a articulação das ações de trânsito. Essas ações são fundamentais para a consecução de um projeto de cidade mais humana e adequada à convivência com melhor qualidade de vida.
idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: