Enquanto a ponte do Teresópolis não fica pronta

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Enquanto a ponte do...

Enquanto esperam pela construção de uma ponte no final da rua Dr. Ferreira Braga, no Jardim Teresópolis, os moradores da Chácara Scaburi têm de passar sobre algumas tábuas para atravessar o rio Marabu e chegar à cidade. Ou fazer a travessia quando querem voltar para casa. O proprietário da chácara, onde moram 5 famílias e cerca de 20 pessoas, chegou a colocar algumas placas de concreto no local onde ficava a ponte, levada pelas chuvas de janeiro de 2016, mas as placas se mostraram mais perigosas ainda, pois poderiam quebrar, o que realmente aconteceu. A sorte é que ninguém se machucou.

Recursos liberados

A Ordem de Serviço para a reconstrução das pontes do Teresópolis (sobre o Rio Marabu), da Arcol (Rio Caramuru), da Estrada dos Pioneiros, que liga Rolândia a Pitangueiras (Rio Jaú), e do Pintassilgo (Ribeirão Vermelho) foi assinada no início de janeiro pelo prefeito de Rolândia, Luiz Francisconi. A licitação para a obra das quatro pontes, que estão entre as 11 que sofreram avarias em janeiro passado, foi vencida pela empresa Contersolo, de Mandaguaçu, região de Maringá, que já esteve em Rolândia para fazer a obra do conjunto Água Verde. O custo total das pontes é de R$ 1,25 milhão: a ponte do Jaú custa 320 mil e as outras três custam R$ 260 mil cada. O recurso veio do Governo Federal através do Decreto de Calamidade Pública, provocado pelas chuvas de janeiro de 2016.

De acordo com o prefeito Francisconi, as obras já começaram, pois a empresa já está fazendo as estruturas para as pontes. “A primeira ponte a ser reconstruída será a do Jardim Teresópolis. Essa ponte será a ligação de uma nova via de acesso entre a região do Teresópolis e a região do Jardim Primavera, São Fernando, Padre Ângelo”, revelou o prefeito. A expectativa é que a ponte do Teresópolis esteja pronta em março – as demais serão finalizadas até o mês de maio. De acordo com o secretário de Planejamento, Dário Campiolo, tão logo a Ponte do Teresópolis fique pronta a rua Dr. Ferreira Braga será recapeada e receberá melhorias no sistema de drenagem existente.

“Com a conclusão dessas quatro pontes e das do Deizinho do Vermelho e do Rosolen (no Caramuru, todas as 11 que foram destruídas pelas chuvas do ano passado estarão prontas e melhores”, afirmou Francisconi ao JR. As pontes do Deizinho do Vermelho e do Rosolen estão sendo reconstruídas com R$ 200 mil repassados pelo Conselho Municipal de Meio Ambiente de Rolândia (Comdema) – o restante será completado pela prefeitura municipal. O chamado dinheiro verde veio do Fundo Municipal de Ambiente. 
idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: