“Berçário da alegria” comemora o Dia do Circo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. “Berçário da alegria” comemora...

Segunda-feira, dia 27 de março, foi o Dia Mundial do Circo e das Artes Cênicas, e a Unidade Social Nossa Senhora Aparecida, da Vila Oliveira, em Rolândia, teve um evento especial para comemorar a data. As professoras do berçário Tatiana Derossi, Michele Meire Mazieiro, Vilma Petrin Huss e Lígia Maria Mantine Teixeira realizaram o “Berçário da alegria”, que foi um dia de Circo para os alunos de 0 a 12 anos da entidade.

O evento começou 13h30 com uma apresentação de dança da turma do berçário. Em seguida, a professora de balé Caroline Batista também se apresentou para as crianças e foram servidas comidinhas e guloseimas. Os alunos também participaram de recreação com brincadeiras que remetem à tradição circense, como tomba-lata e perna-de-pau, além da cama elástica e piscina de bolinhas por meio de doação. O Palhaço Vavá e o Palhaço Marquinhos finalizaram o dia com uma apresentação que incluiu brincadeiras, mágicas e bonecos.

A professora Tatiana revelou como surgiu a ideia do evento. “Cada professor é responsável por uma data e deram o Dia do Circo para a gente, então a gente optou por fazer um evento maior, para que todos pudessem participar”, disse. Michele explicou que a entidade forneceu dinheiro de mentira para as crianças, como parte de uma ação pedagógica que de forma lúdica, ensinou os pequenos a lidar com o dinheiro. “Nós fizemos o dinheirinho da Unidade Social na qual as crianças receberam de suas professoras durante a semana através de um trabalho também pedagógico e hoje elas puderam comprar o ingresso”, relatou. A professora também falou sobre o objetivo do circo na entidade. “O circo ele é alegria né, e as nossas crianças nem todas têm a oportunidade de ir em um espetáculo circense, então nos trouxemos para as crianças um pouquinho do circo”, disse Michele.

A pedagoga Daiane Tinti demonstrou orgulho das professoras. “Eu solicitei para elas que elas fizessem alguma apresentação do dia do circo e olha a grandiosidade que elas fizeram”, afirmou. “É com amor e com carinho e eu fico muito orgulhosa delas”, declarou a pedagoga. Ela também destacou a importância desse dia. “As nossas crianças precisam disso sabe, elas são as nossas alegrias e nós precisamos permitir a elas esses momentos”, afirmou.

Wagner Campos, o palhaço Vavá, afirmou que o evento foi importante para resgatar, comemorar e homenagear os espetáculos circenses. “Uma das primeiras artes que existiu no mundo foi o circo”, contou. Para ele, o circo tem grande importância para a história e para sua vida, já que sua família trabalhou com esses espetáculos.
Como ajudar a entidade

Michele ressaltou que a Unidade precisa de ajuda da comunidade. “Nós somos uma entidade filantrópica e contamos com toda a sociedade, o que puder nos ajudar para continuar esse trabalho que tem mais de quarenta anos em Rolândia e atende mais de 120 crianças”, ressaltou a professora. A Irmã Elizabeth Mendes, gestora da Unidade Nossa Senhora também relatou que há dificuldade financeira, mas isso não impede um bom trabalho. “Na nossa pobreza a gente pode proporcionar para as crianças bons momentos”, afirmou. Mesmo assim, ela destacou que a Unidade precisa de voluntários, doação de alimentos, brinquedos e principalmente dinheiro, que podem ser levados diretamente a unidade, na Rua Reinaldo Massi, 740 na Vila Oliveira. “Eu faço questão que seja assim para poder ver o projeto”, explicou a gestora. “A gente convida para que venham aqui”, completou.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: