Flávia estreia na Superliga neste sábado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Flávia estreia na Superliga...

  A rolandense Flávia Appel, 21 anos, faz sua estreia na Superliga A de voleibol neste sábado (14). Jogando pela equipe do São Bernardo Vôlei, a oposta enfrenta a equipe do Sesi, na Vila Leopoldina, às 14 horas. “A partida será transmitida na TV aberta, na Rede TV”, afirmou a jogadora em entrevista ao JR. Apesar de ser sua estreia na Superliga A, Flávia está tranquila, pois já tem uma bagagem de Superliga B e foi campeã, recentemente, da Copa Bandeirantes de Vôlei. “Uma espécie de segunda divisão paulista. Vencemos e vamos para a primeira divisão do Paulistão no ano que vem”, revelou.

  Na Copa Bandeirantes, Flávia foi titular e será mantida pelo técnico William na estreia deste sábado, apesar do técnico fazer um rodízio constante de atletas, dependendo da situação da partida. “O William varia bastante o time durante a partida, aproveitando melhor as qualidades de cada jogadora”, ressaltou Flávia, que tem jogado na saída de rede.

Pedreiras

  Depois da estreia fora de casa, o São Bernardo Vôlei tem duas verdadeiras pedreiras pela frente: na terça-feira (17), às 19h30, vai até Osasco para encarar a equipe do Vôlei Nestlè, vice-campeã da última Superliga e que tem jogadoras como Thaisa (bicampeã olímpica), Dani Lins e Camila Brait, todas da Seleção Brasileira. Já na quinta-feira (19), Flávia terá a oportunidade de enfrentar o atual campeão da Superliga, o Rexona-Ades, do técnico Bernardinho e das jogadoras Natália e Fabi. A partida será em São Bernardo do Campo, às 19 horas.

Carreira

  Filha de Roger e Vanderleth Appel, Flávia começou a jogar voleibol em Rolândia, na escolinha de base, com o treinador Emerson Chueiri Cattai (Inho). O irmão da atleta já treinava voleibol e insistia para que a irmã o acompanhasse nos treinos. Além do irmão, o próprio treinador a chamava para praticar o esporte. “O Inho é amigo dos meus pais e sempre falava para eu ir para o vôlei também, que ia gostar e, de tanto falarem, eu resolvi treinar”.

  Na época, a jogadora fazia balé e trocou as sapatilhas pelas quadras. “Eu me dei muito bem, treinei com o time durante dois anos aqui”, recorda. Após esse período Flávia fez um teste em São Caetano do Sul (SP), onde jogou durante seis anos na categoria juvenil. “Joguei muitos campeonatos lá. Toda a minha parte de base foi lá”, explica a atleta. Em dezembro do ano passado, Flávia foi para o Rio Grande do Sul treinar com o Sogipa. Ela participou da Superliga B e foi vice-campeã da competição.

  Contratada pela equipe do São Bernardo Vôlei para disputar a Superliga A, Flávia tem a chance de jogar contra jogadoras da seleção Brasileira, mas a grande novidade está no banco, o eterno capitão da geração de prata, William Carvalho, é o técnico do time nesta temporada. O técnico é considerado um dos maiores levantadores que o Brasil já revelou no voleibol.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: