Comunidade muçulmana de Rolândia repudia ataques

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Comunidade muçulmana de Rolândia...

  A Sociedade Beneficente de Muçulmanos em Rolândia emitiu uma moção de repúdio contra os ataques terroristas ocorridos na França, na semana passada. Adilson Roberto Dias, representante da comunidade, conta que a moção foi protocolada na Câmara Municipal de Vereadores, na segunda-feira (16). “Vamos fazer uso da tribuna livre durante a sessão em um dia que ainda será marcado”.

  A moção, segundo Dias, foi elaborada durante uma reunião na Sociedade de Muçulmanos e tem por objetivo evitar que os praticantes da religião sofram com comentários e ações preconceituosas da sociedade. “A nossa maior preocupação hoje é que, com esses fatos ocorridos, as pessoas passem a ver todos os estrangeiros como terroristas, perigosos”, afirma.

  Dias enfatiza o fato de que os ataques terroristas foram praticados por grupos extremistas, que se distanciaram do Islamismo e promovem ódio e guerras por questões políticas, interesses econômicos e territoriais. Ele explica que o Islamismo prega a submissão a Deus e amor ao próximo. “Pedimos a Deus que dê tranquilidade e paz para o coração dessas famílias que perderam seus familiares. Quem serve a Deus não maltrata o próximo”.

  O muçulmano ressalta que a comunidade não concorda com os atos, os classifica como terrorismo e é favorável à punição legal contra quem os praticou. “Esses extremistas têm uma interpretação particular do Alcorão e promovem diversas atrocidades, como essa que aconteceu na França”.
 
  Dias reitera a importância do respeito à crença e cultura dos estrangeiros que vivem no município. “O que queremos, enquanto muçulmanos, é deixar claro para toda a sociedade da região que nós continuaremos sendo os mesmos, as pessoas que trabalham duro o dia todo, que a noite vão orar nos seus templos religiosos e retornam para suas casas, que têm seus amigos, têm intenção de se constituir enquanto cidadãos aqui em Rolândia”, explica o representante.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: