O cartunista e o ilustrador mirins de Rolândia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. O cartunista e o...

Os alunos Eduardo Henrique Caseiro de Paula, 7 anos, e José Mateus de Carvalho Mello, 10, venceram a etapa municipal do concurso cultural Televisando, da RPC, afiliada da Rede Globo de Televisão. Eduardo, que está no 2º ano da escola municipal Geralda Chaves Tiradentes, venceu na categoria Ilustrador Mirim, enquanto José Mateus, do 5º ano da escola municipal Vitório Franklin, foi vencedor como Cartunista Mirim. Os dois estudantes receberam seus prêmios – um tablet e um troféu – na terça-feira (17) e seus trabalhos seguem para a fase final, em Curitiba.

De acordo com Rafaela Vieira Marinho, coordenadora do projeto na região de Londrina, o Televisando está em sua 8ª edição e teve com tema neste ano “O uso consciente das Tecnologias”. Ao todo, 9 escolas municipais de Rolândia participaram do concurso cultural em 2015. Rafaela esteve em Rolândia, apesar da chuva forte que caiu na terça-feira, e entregou pessoalmente os prêmios aos alunos premiados e às suas professoras, que também ganharam um tablet.

Os premiados

Eduardo Caseiro fez um desenho de um avião. Ele não sabia que havia vencido o concurso em Rolândia até o momento em que Rafaela o chamou para conversar. Em frente da turma. “Fiz um desenho de um avião, que vinha pegar um criança para levá-las até os seus pais”, explicou o artista. Sua professora, Regina Rodrigues da Silva, conta o aluno é tímido e gosta muito de desenhar. Ele tem dois irmãos que estudam no Geralda: Daniel, 5 anos, e Amanda, de 6. Sua avó Cecília esteve na entrega dos prêmios, já que os pais de Eduardo, Eder e Aline, não puderam comparecer.

José Mateus, do Vitório, já é conhecido por seus desenhos e sua criatividade  – neste ano, o estudante já chegou à final de outro concurso na região. Na entrega dos prêmios na terça-feira, ficou um pouco encabulado com as palmas, mas conseguiu explicar o seu desenho vencedor. “Tem um homem que está dirigindo usando o celular. Ele bate, vai para o hospital e morre. No céu, ele vê três grandes celulares, com pilhas de celulares em volta”, revelou o artista. Sua professora, Aline Quinhone Silva, também ganhou um tablet pelo trabalho de orientação. Os pais de José Mateus, Fabiane e Adriano, e sua avó materna, Ilma, compareceram e ficaram muito felizes e emocionados.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: