Pets: visão dos animais de estimação merece cuidado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Pets: visão dos animais...

Assim como os humanos, os animais de estimação estão sujeitos a desenvolver problemas de visão que, se não diagnosticados e tratados a tempo, podem até mesmo levar à cegueira. Não à toa a oftalmologia tem ganhado cada vez mais espaço dentro da Medicina Veterinária, se tornando uma importante aliada na busca pelo bem-estar dos bichinhos.

A doença oftalmológica é uma das mais comuns verificadas nos animais de estimação, tanto cachorros como gatos. Caracterizada pela opacidade do cristalino, seu tratamento é apenas cirúrgico e, quanto mais cedo diagnosticado, maiores as chances de sucesso.

Há dois modelos mais evidentes da catarata. A juvenil ou precoce ocorre entre os 2 e 4 anos de idade em raças que têm predisposição genética, como poodle, bulldog francês e lhasa apso. A mais comum, contudo, se desenvolve em animais idosos, por conta do desgaste do cristalino.

Outra patologia frequentemente diagnosticada é o glaucoma. Trata-se de uma doença neurodegenerativa caracterizada pela alta pressão interocular. No caso, o olho fica maior, com uma aparência mais “saltada”.

Já as úlceras de córnea são caraterizadas por inchaço e dor. A causa mais comum são os traumas ou problemas nos cílios. O dono deve observar que o olho fica mais fechado e o animal não quer que encoste. Além disso, ele passa a apresentar fotofobia, ou seja, fecha o olho em contato com a luz. Raças braquicefálicas, ou seja, as de focinho curto, estão mais propensas a esse tipo de lesão.

Os donos também podem ficar atentos a algumas mudanças de comportamento que indicam que algo não vai bem. O mais comum é o animal fechar o olho, coçá-lo, apresentar vermelhidão ou mesmo bater a cabeça. O importante é ser rápido. Se perceber essas alterações, levar o quanto antes ao consultório. Quanto mais cedo identificar o problema, maior a probabilidade de conseguir corrigi-lo.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: