Editorial edição 569: Começamos a semana cheia de notícias. Algumas boas; outras, nem tanto.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Editorial edição 569: Começamos...

Olá, Leitor e Leitora do JR.

Começamos a semana cheia de notícias. Algumas boas; outras, nem tanto.
No domingo à noite, uma mulher que estava de bicicleta foi atropelada e morreu. O que se viu depois disso, nas redes sociais, foi a exposição do corpo da vítima, com todos os detalhes. As fotos eram postadas por pessoas e também por os chamados “meios de comunicação” das redes sociais. Se os filhos da mulher, de 11, 13, 16, 20 anos, vissem as fotos?  Fazer o quê? Se não quiser, não olhe. Alguns cometem esse excesso em nome da audiência, das curtidas, e dos likes; outros, em nome da “informação”. Que informação pode ser dada expondo o ser humano da maneira que alguns fazem? Nenhuma.

Esse comportamente é o chamado Vilipêndio de Cadáver e é crime. Basta alguns dos familiares de Martele Tonchiche (esse é o nome da mulher que morreu atropelada) ir na Justiça e exigir que se cumpra a lei que os tais “jornalistas” vão pensar duas vezes antes de postar as fotos que postam. Fica aqui a sugestão.

Uma boa leitura.

José Eduardo
editor

Josiane Rodrigues
editora

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: