Corpo de Bombeiros alerta sobre risco de afogamento

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Corpo de Bombeiros alerta...
O Corpo de Bombeiros alerta a população sobre o risco de afogamento. O cabo Micheletti, de Rolândia, ressalta que é perigoso nadar em rios. “Geralmente a pessoa não sabe nadar, não tem preparo, e se arrisca”, afirma.

Durante o feriado prolongado, foram registradas 17 mortes por afogamento no Paraná. A maioria das mortes foi no norte do estado e na região metropolitana de Curitiba. De acordo com os registros do Corpo de Bombeiros, 16 pessoas morreram em rios e represas e uma criança se afogou na piscina de um clube. 

Em Rolândia, o local mais perigoso é o lago no Jardim San Fernando, onde muitas pessoas costumam mergulhar. Segundo o cabo Micheletti, o lago não é apropriado para nadar. “Para ser local de banho, precisa haver uma estrutura e legislação que permita. O lago do San Fernando é ornamental”, explica.

Mesmo sendo proibido, os rolandenses ainda se arriscam a nadar no lago. Micheletti alerta que é perigoso por causa da profundidade e pela falta de preparo do próprio banhista. 

Micheletti alerta que as pessoas não devem mergulhar para tentar ajudar, para não ocasionar nenhum desastre. “A prevenção é não entrar. Em caso de afogamento, deve-se ligar para o Corpo de Bombeiros, no 193”.  

Outro procedimento  que pode ser feito é tentar jogar um galho, corda ou algo para que a pessoa tende se agarrar enquanto os bombeiros não chegam. Segundo o cabo, nadar em local proibido é desacato à lei, podendo ocasionar até prisão.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: