Câmara de Rolândia aprova aluguel social

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Câmara de Rolândia aprova...
A Câmara de Vereadores de Rolândia aprovou, por unanimidade, o Auxílio Aluguel, também chamado de Aluguel Social, paras as famílias desalojadas pelas fortes chuvas de janeiro. No total, cerca de 30 famílias receberão R$ 500,00 por mês pelo prazo de 6 meses – termina em julho. O projeto foi aprovado em primeira votação na sessão de segunda-feira (14) e, em segunda, na sessão extraordinária de quarta-feira (16).

De acordo com Rozimari Podanoschi Veronez, secretária municipal de Assistência Social, o benefício será pago tão logo o prefeito Luiz Francisconi sancione a lei. “Nós temos 25 famílias cadastradas que já receberão o benefício de 500 reais por mês. Temos, ainda, mais algumas famílias que serão cadastradas”, revelou a secretária. No total, cerca de 30 famílias receberão o benefício por 6 meses. “Temos 180 dias para utilizar esse recurso por causa do Estado de Calamidade”, explicou Rozimari Veronez.

A secretária afirmou também que as famílias receberão os meses de fevereiro e março de uma só vez. Depois receberão os meses de abril, maio, junho e julho. “Vamos passar já as duas parcelas, pois as famílias estão ansiosas e já deviam estar recebendo”, ressaltou Rozimari.

Esse dinheiro será empenhado, tão logo a lei seja sancionada, e será depositado na conta corrente de algum membro dessas famílias. “A maioria tinha conta aberta na Caixa Econômica, quem não tinha, acabou abrindo para poder receber o benefício”, afirmou a secretária. 

Aluguel social
No dia 04 de fevereiro, o vereador Rodrigo do Locatelli (PP) enviou um ofício ao Executivo pedindo um estudo jurídico e financeiro para uma viabilização do aluguel social para as famílias atingidas pela chuva. No dia 15, na primeira sessão ordinária do ano, ele e o vereador Alex Santana (sem partido) fizeram um requerimento com o mesmo teor e o enviaram ao prefeito Luiz Francisconi (PSDB), que enviou o projeto de Lei 10/2016 em regime de urgência para a própria Câmara de Rolândia.

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: