São Rafael completa 63 anos ainda sob intervenção

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. São Rafael completa 63...

    O Hospital São Rafael completou 63 anos nesta quarta-feira (25). Fundado em novembro de 1957 por um grande grupo de imigrantes alemães com o nome de “Fundação Arthur Thomas”, o hospital chega aos 63 anos com os salários de seus colaboradores em dia, com dívidas trabalhistas e tributárias e em seu quinto ano de intervenção municipal, que vai até dezembro de 2021.

    Pela manhã, o pároco de Rolândia, padre Joel, celebrou uma missa na Igreja Matriz São José; pela tarde, um culto com o pastor Silas Na igreja Presbiteriana Independente. Os colaboradores e colaboradoras também montaram um painel com fotos antigas do local. “O São Rafael está se tornando, a cada ano, uma referência na prestação de serviço para a população. Temos que parabenizar o hospital pelos 63 anos e por tudo o que passou e esperar que ele cresça com Rolândia e se torne cada vez mais referência para a nossa microrregião”, ressaltou o diretor administrativo Luís Lino de Almeida Junior. O diretor tem afirmou que tem certeza que o Hospital irá sair das dívidas trabalhistas e tributárias que adquiriu em seu passado.

    Atualidade
    O São Rafael está sob intervenção municipal que termina em dezembro de 2021. Por conta disso, recebe uma subvenção de cerca de R$ 225 mil mensais do Estado – recurso que terminou neste mês, quando foi paga a parcela de dezembro. “O Estado adiantou o pagamento e vamos usá-lo para os salários de dezembro e também para a segunda parcela do 13º”, revelou Luis Lino. O pagamento será pago no 5º dia útil e, na mesma semana, sai a última parcela do 13º.

    Para recompor a receita, já que deixará de receber R$ 225 mil, Luis explicou que enviou uma proposta e aguarda por uma resposta da Secretaria Estadual de Saúde. “Nossa proposta é ampliar as cirurgias eletivas e que o Estado cubra a nossa rede de urgência e emergência, que já fazemos, mas não está em nosso contrato com o Estado. Vem recurso federal para a urgência, mas queremos que o Estado habilite 10 leitos de urgência e emergência”, explicou o diretor.

    O valor para a habilitação dos leitos seria similar à subvenção que terminou, ou seja, R$ 225 mil. Já o aumento das cirurgias eletivas – passando de 50 para 125 mensais, traria um recurso da ordem de R$ 125 mil ao São Rafael. “Agora, estamos ansiosos por essa resposta do Estado”, concluiu Luis Lino.

    Em dezembro de 1966 a Assembleia Legislativa do Paraná o reconheceu legalmente: neste ano termina a Fundação e se declara a Associação Beneficente São Rafael, nome fantasia Hospital São Rafael, de Utilidade Pública estadual. Em âmbito federal, o reconhecimento como utilidade pública veio em 12 de março de 1985.

    Fundada em 25 de novembro de 1957, e reconhecida no âmbito jurídico em 1963, a Fundação Arthur Thomas conservou esse nome até 1966. Nesse ano, a Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (Alep) declarou a “Associação Beneficente São Rafael”, de nome fantasia “Hospital São Rafael”, como sendo de utilidade pública estadual. Essa condição tornou-se reconhecida federalmente em 12 de março de 1985.

    Os serviços prestados destinam-se à população de Rolândia e da Microrregião composta por mais oito municípios: Pitangueiras, Guaraci, Jaguapitã, Miraselva, Prado Ferreira, Centenário do Sul, Lupionópolis, Cafeara, Porecatu e Florestópolis.

    Em tempo: Arthur Huge Miller Thomas foi diretor da Companhia de Terras Norte do Paraná, que colonizou nossa região, e era escocês.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: