Desenvolvimento Infantil – por Dra. Isabella L. C. Gouveia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Desenvolvimento Infantil – por...
Neste mês de abril comemoramos o Dia Mundial da Conscientização sobre o Autismo (dia 02). Autismo é um termo geral utilizado para caracterizar um grupo de transtornos do neurodesenvolvimento, de diferentes graus, hoje chamados de transtornos do espectro autista, que tem como sintomas em comum dificuldades na interação social, dificuldades na comunicação verbal e não-verbal, e comportamentos repetitivos. Os sinais e sintomas surgem em geral nos primeiros três anos de vida, contudo há pacientes que são diagnosticados com idade bem mais avançada. 

O ideal é que os sinais sejam identificados o mais precoce possível, pois quanto mais cedo se iniciam os estímulos e o tratamento, melhor o desenvolvimento das habilidades da criança portadora do autismo. A seguir relaciono o que é esperado se observar no desenvolvimento normal de uma criança, e que pode estar alterado nas crianças que apresenta autismo. 

Até 3-4 meses:
– observa faces com interesse e acompanha objetos em movimento 
– reconhece pessoas familiares. Sorri ao som da voz dos pais
– começa a desenvolver o sorriso social
– vira o rosto em direção a um som 

7 meses
– gosta de brincadeiras face-a-face, consegue achar objetos escondidos
– explora com mãos e boca, tenta buscar objetos fora do alcance
– responde ao próprio nome
– usa da voz para se expressar, balbucia

1 ano
– gosta de imitar pessoas, tenta imitar sons
– responde ao “não”, aponta para objetos
– balbucia com mudanças de tom, pode usar pequenas palavras (papa, mama)
– se dirige a quem está falando quando seu nome é chamado

2 anos
– imita comportamentos dos outros, gosta da companhia de outras crianças
– entende diversas palavras
– aponta para objetos ou figuras quando nomeadas
– começa a separar por cores e formas, começa a fazer brincadeiras simples de faz-de-conta
– reconhece nomes de pessoas familiares, segue instruções simples
– combina duas palavras

3 anos
– expressa afeto e emoções
– separa objetos por cores e formas, combina objetos a figuras
– usa frases simples 
– brinca de faz-de-conta

4 anos
– coopera com outras crianças, é criativa em brincadeiras de faz-de-conta
– nomeia cores, entende conceitos de quantidade e de tempo
– fala frases completas
– conta estórias, fala de forma clara o suficiente para que qualquer pessoa entenda (não apenas quem convive)

5 anos
– quer ser como os amigos, gosta de cantar, dançar, atuar
– sabe diferenciar fantasia da realidade
– demonstra crescente independência e autonomia 
– conta até 10 ou mais e nomeia corretamente pelo menos 4 cores
– conta estórias mais longas

É importante que os pais estejam sempre atentos e relatem qualquer alteração ao pediatra. 


Dra. Isabella L. C. Gouveia é médica psiquiatra e atende no Centro Médico Norte do Paraná (Rua Martin Friedrich Mewes, 101, Roland Garden, Rolândia, fone 3176-2700)

idagencia

idagencia

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: