Justiça: Amar ganha retratação pública de internauta

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Justiça: Amar ganha retratação...
    A AMAR (Associação Mundo Animal de Rolândia), formada por voluntários que cuidam de animais na cidade, ganhou uma retratação pública depois que entrou na Justiça contra um usuário que fez comentários maldosos sobre a entidade. Na audiência de conciliação, ficou acertado que o autor do comentário, Wiiliam Laércio Piveta, fizesse uma retração pública sobre sua postagem no Facebook.

    No dia 30 de janeiro de 2020, o senhor William Piveta proferiu diversos comentários maldosos contra a AMAR e o seu trabalho e, especialmente, contra a presidenta da entidade. O caso foi levado ao conhecimento da Justiça e, no dia 27 de maio, em audiência de conciliação, ficou acordado que William se retrataria publicamente.

    “Aproveitamos a oportunidade para reiterar que o trabalho da Associação é totalmente voluntário, feito por pessoas que não recebem nada. Muito pelo contrário, muitas vezes essas pessoas arcam com os custos de resgates e assistência a diversos animais. Nem tudo o que fazemos chega a ser noticiado, também pelo acúmulo de funções entre os voluntários”, afirmou a diretoria da AMAR.

    A entidade afirma que muitas vezes realiza uma função que não é dela, que aceita as críticas e o descontentamento diário com esse trabalho. “Porém não permitiremos que pessoas más intencionadas coloquem em dúvida a seriedade de nosso trabalho e a transparência que temos com as doações que recebemos”, ressalta a nota da diretoria.

    “Não desanimaremos jamais de nossa função, pois tudo que fazemos é por aqueles que só podem contar conosco”, concluiu a diretoria da AMAR na nota enviado ao JR.

    Abaixo sua retratação.

    “Eu, William Laércio Piveta, reconheço que no dia 30 de janeiro de 2020, proferi ofensas contra a AMAR utilizando da rede Facebook e à pessoa da presidente Regina Célia Cabral Rodrigues nos seguintes termos ‘Essa amar é uma palhaçada rapaz, a presidente de lá andando com um Corolla de 100 mil reais KKK e não ajuda ninguém’. Nesta data me retrato da referida afirmação informando que desconheço fato desabonador contra a pessoa da presidente ou que tenha sido dada destinação para outros fins de doações feitas para a AMAR. Reconheço que a atividade da AMAR é amplamente reconhecida pela população de Rolândia e que há mais de 13 anos presta um trabalho voluntário sem nenhuma remuneração, visando única e exclusivamente o auxílio a animais desamparados”.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

VEJA TAMBÉM: