Vacina anti-HPV, Covid e Gripe

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Saúde
  6. /
  7. Vacina anti-HPV, Covid e...

Saiba mais da vacinação no município de Rolândia contra essas doenças

Algumas campanhas de vacinação estão em andamento no município de Rolândia e no alvo estão doenças como o HPV, a Covid-19 e a gripe (Influenza). O JR falou com a secretária de Saúde de Rolândia, Karla Ulinski, para esclarecer a população sobre essas campanhas simultâneas.

HPV
A vacina contra o HPV é para meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos. Esse imunizante é aplicado em duas doses (intervalo de seis meses) e oferece proteção contra a doença e também contra verrugas genitais. O vírus é transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas, o que pode acontecer via relação sexual e também de mãe para filho no momento do parto. “Essa vacinação é uma proteção para as crianças no futuro. O HPV é a infecção sexualmente transmissível mais frequente em todo mundo e existem mais de 200 tipos desse vírus. A vacina protege especialmente os que têm potencial risco do desenvolvimento de câncer de colo de útero. Com a vacina, os pais precisam ter em mente que estão protegendo os seus filhos ao longo da vida”, explica Karla Ulinski.


A vacina já está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde de Rolândia, basta procurar a UBS mais próxima para se imunizar. “Ressaltando que, para as pessoas imunossuprimidas, o imunizante também é ofertado, mas com indicação médica. E havendo qualquer dúvida podem procurar a secretaria de Saúde”, informa a secretária.

Anti-covid
A programação de vacinação contra a covid-19 acontece sempre de segunda a sexta e a vacinação ocorre sempre na UBS Central (Rua Alzira Tiburski, 102) e na UBS Parigot de Souza (Rua Sibiruna, s/n°). O JR divulga diariamente a programação em nossas mídias sociais.

Anti-gripe
A vacinação anti-gripe também está sendo ofertada em todas as UBS’s do município para a população com 60 anos ou mais e também para os profissionais de saúde. “Ressaltamos que neste momento a procura está baixa e até agora aplicamos algo em torno de duas mil e quinhentas doses. Essa procura deveria estar maior, então pedimos a compreensão de todos que fazem parte do público-alvo que se vacinem”, pontuou a secretária. Essas vacinas também estão nas UBSs.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Religião

Jesus disse ‘sim’

Por Monsenhor José Ágius Nosso catecismo básico diz que Jesus morreu para nos salvar. Difícil é explicar porque ele teve que morrer. Dizer que é