Badry Advocacia arrecada alimentos em prol do Maanaim

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Social
  6. /
  7. Badry Advocacia arrecada alimentos...

Ação ocorreu por meio de uma gincana de arrecadação promovida pela empresa e intitulada “Natal Solidário”

Colaboradores e colaboradoras do escritório com a diretora do Maanaim

O escritório Badry Advocacia, de Rolândia (Nilo Peçanha 42), destinou meia tonelada de alimentos e um vale-compras no valor de R$ 2 mil para a Casa de Repouso Maanaim, de Rolândia. A arrecadação foi feita internamente dentro da empresa por meio de uma gincana intitulada ‘Natal Solidário’.

A ação também foi divulgada no Instagram da Badry, mas a maior parte dos alimentos arrecadados foram provenientes dos próprios colaboradores que se dedicaram ao máximo para ajudar a instituição rolandense. Segundo Izabella Fernanda Pyus, gerente da Badry Advocacia, a decisão da ação partiu do Comitê de Responsabilidade Social, um dos vários que existem no escritório.

“Sabemos que o Maanaim é uma instituição da cidade que sempre precisa de doações. Então criamos o Natal Solidário para fazer essa arrecadação de alimentos: solicitamos apenas a doação de feijão, arroz e leite”, explicou a gerente.
Izabella Fernanda informou que a gincana foi organizada em duas equipes e aquela que mais arrecadou alimentos ganhou a “competição” final, cujo objetivo maior foi puramente ajudar o próximo.

“Arrecadamos meia tonelada de alimentos que foi repassada ao Maanaim. Também repassamos um vale de dois mil reais que poderá ser utilizado no Boa Compra para comprarem o que for necessário”, ressaltou Izabella.

Maria das Graças Novaes, diretora da Casa de Repouso Manaaim, falou sobre a ação feita pelo escritório e agradeceu aos envolvidos por tanta dedicação. “Essa ação nos dá um incentivo para continuarmos fazendo o nosso trabalho. Tenho muita gratidão por todos que ajudaram nesse gesto tão nobre e tão solidário para com nossos idosos da Casa de Repouso”, agradeceu Maria das Graças.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Cotidiano

Sobre as matérias desta edição

Editorial – edição: 873 – sexta-feira, 27/05/22 Olá, querido leitor e cara leitora do JR Neste editorial, abordaremos um pouco das matérias que estão nesta

Religião

Jesus disse ‘sim’

Por Monsenhor José Ágius Nosso catecismo básico diz que Jesus morreu para nos salvar. Difícil é explicar porque ele teve que morrer. Dizer que é