Rolândia: formas de ajudar o Instituto Lar Samuel

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Social
  6. /
  7. Rolândia: formas de ajudar...

Com a chegada da estação mais fria do ano, entidade precisa da colaboração da comunidade com a doação de roupas e de outros materiais

O Instituto Lar Samuel, de Rolândia, está precisando de doações de roupas de inverno. Todas as peças doadas são destinadas ao bazar da entidade que fica no mesmo espaço destinado às oficinas (Av. das Palmeiras, 311, ao lado do Colégio Padre José Herions). No local são vendidos diversos produtos novos e seminovos como roupas, calçados, acessórios e até mesmo móveis.


Os valores são bem acessíveis e é possível encontrar peças com o valor mínimo de R$ 2. O bazar funciona de segunda a sexta-feira, das 13:00 às 16:00, e aos sábados, das 09:00 às 13:00. Segundo o presidente do Instituto, Ivo Veiga, a renda principal da entidade vem por meio desse bazar. “Com a pandemia, algumas semanas são mais difíceis de se vender algo, já chegamos a vender apenas 100 reais em uma semana. Em meses que temos boas vendas, conseguimos arrecadar aproximadamente 4 mil reais, dinheiro que é revertido nas oficinas, despesas gerais e em algumas ações sociais”, explica Ivo.


Em frente ao bazar do Instituto, há uma barraquinha com roupas que podem ser retiradas por qualquer pessoa que não tenha condições de comprar e que esteja necessitando. Por isso, a doação de roupas é essencialmente importante para o instituto nesse momento. “A principal forma de nos ajudar é doando roupas, e o que mais estamos precisando agora são agasalhos e outras peças de frio. Também temos nossos carnês de mensalidade para quem quiser nos ajudar financeiramente. O valor é o que a pessoa pode pagar, seja 10, 20, 30 ou 40 reais por mês, não importa. Vamos também providenciar um QR Code para colocarmos no jornal para as pessoas que querem fazer uma colaboração única ou espontânea. Estou verificando isso junto ao banco para poder divulgar”, afirmou o presidente.


Para quem deseja ajudar o instituto, mas não pode doar roupas, e nem assumir um compromisso mensal com o carnê, pode contribuir fazendo uma doação por meio do Pix. O código pix do Instituto Lar Samuel é: 78958220000110.

Outra forma de ajuda
Há dois anos o instituto estava com suas atividades paralisadas, mas desde março retornou com seis oficinas para atender, em sua maioria, as crianças da comunidade. Com isso, é possível auxiliar o instituto dedicando tempo, e algumas horas do dia, para ocupar a posição de professor e ofertar aulas em algumas das oficinas existentes no local.


“Em 2019 nós ofertávamos 20 oficinas, mas agora só temos seis, isso porque nós dependemos de voluntários e também de espaço físico para poder atender melhor os alunos das oficinas”, ressalta. Neste momento, o instituto oferece oficinas de teatro, violão, inglês, biscuit, corte e costura e karatê. “O nosso público é essencialmente crianças de 7 a 15 anos, mas temos uma oficina de corte e costura para para as senhoras, mães ou avós, que levam as crianças para o curso, e já ficam esse período lá para fazer uma aula que também é dada por voluntários”, pontua Ivo Veiga.


Mais informações pelo WhatsApp do Lar: o (43) 9.9666-8065. Acompanhe e ajude o Lar pelo Facebook (/Instituto-Lar-Samuel) ou pelo Instagram (@institutolarsamuel).

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Social

AMAR lança a campanha do Cobertor Amigo

Entidade tem caixas de arrecadação de cobertores e também de ração, roupas e utensílios para o bazar em vários locais O inverno mal começou e